A magia das Missões

Programe seu
Roteiro

CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;
CAMINHADA SEMANA FARROUPILHA 2015;

Roteiros

Dúvidas Frequentes

O que é o Caminho das Missões?
O projeto "Caminho das Missões Jesuítico-guaranis" é um roteiro místico/cultural de peregrinação que percorre os mesmos trajetos que ligavam os antigos povoados missioneiros e que compunham o conjunto - urbano e rural - das Missões Jesuíticas, cujos remanescentes encontram-se, hoje, situados em parte do território brasileiro, argentino e paraguaio. As antigas trilhas guaranis, os caminhos missioneiros e, depois, as velhas estradas dos tropeiros serviram de orientação para o traçado do caminho que ora se apresenta como uma jornada, seja de peregrinação mística, ou de pesquisa, lazer ou esporte. O percurso indicado segue naturalmente a mesma orientação dos antigos caminhos, hoje relativamente modificados pela ação do homem e suas necessidades de exploração do espaço. Segue, também, pontos de interesse que servem como referenciais históricos e místicos para o caminhante.

Do futuro do Caminho.
A idéia é aumentar progressivamente o Caminho, ligando os 30 Povos, nos três países - Brasil, Argentina e Paraguai - perfazendo um total de aproximadamente 550km no primeiro momento e quando finalizado uns 750 km.

Por onde passa?
O Caminho passa pelos municípios onde existiam os 7 Povos das Missões - São Borja, São Nicolau, São Luiz Gonzaga, São Lourenço(pertencente a São Luiz Gonzaga), Santuário do CAARÓ (1° ciclo Missioneiro) São Miguel das Missões, São João Batista (pertencente a Entre-Ijuís) e Santo Ângelo, além do município de Garruchos que liga São Borja a São Nicolau. É percorrido quase que em sua totalidade em estrada de chão e mantém, praticamente, o mesmo trajeto percorrido no tempo das Reduções.

Das possibilidades de caminhadas - distâncias - período.
São Borja - Santo Ângelo: 338 km - 14 dias
São Borja - São Nicolau: 155km - 6 dias
São Nicolau - Santo Ângelo: 183 km - 8 dias
São Miguel das Missões - Santo Ângelo: 72 km - 3 dias.
A média de percurso é de 23 km/dia.

Dos pontos de apoio e paragem.
Dentro do projeto de implantação do Caminho das Missões foi definida uma infra-estrutura básica para que os Peregrinos possam, nesse primeiro momento, dispor de local para pernoite, almoço e jantar. Nos pontos de pernoite há no mínimo colchões, mas a maioria já está estruturado com camas ou similares. Na medida que aumentar a demanda, novos lugares de apoio e paragem surgirão.

Sozinho ou em grupo?
Por ser um projeto recente formamos grupos de no mínimo 05 e no máximo 15 pessoas. Isso facilita a preparação das famílias hospitaleiras e cria a possibilidade de um contato mais humano com os peregrinos.
Agora já é possível percorrer o Caminho das Missões na forma individual, sem acompanhamento de condutor de grupo e sem vários itens que contam na caminhada em grupo, a sinalização começa a ser implantada, o peregrino recebe um mapa descritivo do trajeto.

Como funciona o Caminho individualmente?
A organização do Caminho das Missões montou um mapa descritivo para orientar o dia-a-dia de quem opta em percorrer o trajeto individualmente. Nesse mapa constam telefones úteis, dos hospitaleiros e guias de turismo, informações básicas sobre a história das Missões e mapas de cidades por onde o peregrino passa. Ainda não existe uma sinalização adequada no Caminho e em grandes trajetos o caminhante não encontrará casas ou comunidades, por tanto o caminho individual é indicado para peregrinos experientes e com boa noção de orientação. De qualquer forma é necessário contatar a organização do Caminho antes de iniciar a caminhada para que os hospitaleiros sejam avisados e consigam organizarem-se para a passagem do peregrino.

Da alimentação e do pernoite.
Famílias ou empresas  aguardam o peregrino, servindo refeições fartas e espaço para um bom descanso em locais simples e acolhedores. A hospitalidade é o grande diferencial.

Quanto levar de dinheiro?
No pacote de caminhada em grupo estão incluídos todos os pernoites e praticamente todas as  refeições, não havendo necessidade de carregar muito dinheiro. Os valores devem ser destinados para as compras pessoais como: artesanato, bebidas e refeições não inclusas. É desaconselhável portar grande quantidade de dinheiro, pois o peregrino passa por algumas cidades e tem como fazer pequenos saques. 

Como participar de uma Caminhada?
Você deve entrar em contato com uma das agências de turismo ou de viagem credenciadas e estudar qual a melhor data para sua caminhada. Pode, também, contatar a coordenação do Caminho das Missões.

Da preparação do peregrino.
Quem pretende fazer o Caminho das Missões deve fazer uma preparação prévia, incluindo um check-up médico para evitar desagradáveis surpresas durante o trajeto. É interessante que o peregrino defina um trajeto próximo a sua casa para preparar-se alguns meses antes: caminhar carregando uma mochila com aproximadamente 10% do peso do corpo, e, à medida que aumentar a resistência, ir aumentando o trajeto. No Caminho das Missões as médias de distância variam, em alguns trajetos são percorridos em torno de 32 km dia e nos demais  em média 25 km dia.

Do Cartão do Peregrino e do Certificado

O cartão do peregrino é a garantia do seu pernoite  e de suas refeições. Em cada local de parada é colado um adesivo (selo) que confirma sua passagem pelo local. Para receber o Certificado de Peregrino das Missões é necessário  fazer no  mínimo os três últimos locais onde haviam Reduções Jesuíticas (São Miguel das Missões, São João Batista e Santo Ângelo), ou trecho inicial de São Borja à São Nicolau.

O Certificado do Caminho das Missões
O Certificado do Caminho das Missões é dado àqueles que percorrem todo o trajeto do Caminho ou que passam nos 3 últimos locais onde haviam Reduções (São Miguel das Missões, São João Batista e Santo Ângelo) ou para os que optam pelo trecho de São Borja a São Nicolau.  O Certificado mostra um pouco dos elementos que formam o Caminho das Missões. O grande diferencial é o texto que está escrito na língua guarani, língua falada pelos índios que habitavam e ainda habitam essa região.

Certificado do Caminho em guarani - KUATIÁÑE'E
Kuatiáñe'ê o guatava peguarâ ____________ romomba'é, o guatava kokuere Missões retãre oú haguere oiko "MISSÕES TAPÉRE JESUÍTICO-GUARANI", heíseva Fé, ha Ñande mba'éva teeté Missões tava ha Brasil retã. JAHA NONDE'

Certificado do Caminho em português - CERTIFICADO
Certificamos como peregrino das Missões ____________ por sua participação no CAMINHO DAS MISSÕES JESUÍTICO GUARANI, representação autêntica da fé, da história e da cultura da região missioneira do Brasil. SEMPRE EM FRENTE